Diário da Cidade – Notícias Balneário Camboriú Esportes Entretenimento Eventos Política Empregos Camboriú Itajaí Itapema Navegantes Santa Catarina Brasil e Mundo
Itajai Navegantes

Águas de Penha vai iniciar a construção de um reservatório de 2 milhões de litros de água

Águas de Penha vai iniciar a construção de um reservatório de 2 milhões de litros de água

A concessionária Águas de Penha decidiu adquirir um terreno para a construção de um reservatório de 2 milhões de litros de água, mesmo sendo uma responsabilidade da Prefeitura de Penha. A concessionária antecipou recursos junto à holding AEGEA, controladora da Águas de Penha, a fim de que os compromissos firmados com a sociedade civil organizada, prefeitura e agência reguladora, em reunião realizada no início do ano, sejam cumpridos.

Carlos Roma Junior, presidente da Águas de Penha, explica que a compra do terreno, apesar de ser uma obrigação do Executivo Municipal, foi feita com o objetivo de a melhorar ainda este ano a operação do sistema de abastecimento de água. “Tivemos que rever o projeto original de distribuição para atender algumas das solicitações da sociedade. Com isso, fizemos a compra do terreno acreditando no interesse do poder concedente em resolver o impasse criado no contrato de saneamento da cidade. Queremos atender as expectativas da população e turistas e vamos discutir, posteriormente, com a prefeitura e agencia reguladora a forma de ressarcimento destes valores.”

A construção de um reservatório está prevista no contrato de concessão do saneamento básico no município, mas uma nova concepção precisou ser estudada para atender os atuais anseios da sociedade sem inviabilizar o projeto já feito. Faltava apenas a disponibilização da área por parte da prefeitura, o que não ocorreu. A nova estrutura vai ampliar a capacidade de armazenamento de água da cidade.

Outras ações como ativação e perfuração de novos poços artesianos também estão em andamento, além da possibilidade de um convênio visando a colaboração operacional entre a concessionária e a Casan (empresa que hoje fornece água para Penha e Balneário Piçarras), discutido recentemente entre a diretoria das duas empresas. Os investimentos e ações da Águas de Penha servirão para amenizar os efeitos de períodos curtos de estiagem, pelo menos enquanto a cidade não possuir um sistema produtor próprio de água. “O reservatório não solucionará definitivamente o problema de desabastecimento no verão, mas ajudará a equilibrar o sistema de distribuição e atenderá demandas dos bairros mais afastados”, destaca Thaís Gallina, diretora executiva da concessionária.

Related posts

3° Encontro de Improviso está com inscrições abertas

Itajaí pode receber a Campanha: Despiratize, de Combate à pirataria

Secretaria Municipal de Assistência Social promove 5ª Gincana da Terceira Idade

Oi, este aviso é só pra te lembrar de CURTIR nossa FanPage no Facebook

Assim, você poderá estar cada vez mais atualizado das novidades de sua região!

CLOSE
%d blogueiros gostam disto: