Diário da Cidade – Notícias Balneário Camboriú Esportes Entretenimento Eventos Política Empregos Camboriú Itajaí Itapema Navegantes Santa Catarina Brasil e Mundo
Noticia SC

Apenas três novos focos de dengue são registrados na última semana em Itajai

A massa de ar frio que atingiu a Região Sul do Brasil na última semana, o que reduziu a temperatura, foi fator decisivo para Itajaí identificar apenas três novos focos do Aedes aegypti. Com isso, o município totaliza agora 253 locais com registro positivo para larva do vetor que transmite a dengue, a febre chikungunya e o zika vírus.

De acordo com levantamento divulgado nesta terça-feira (10), pelo Programa de Combate à Dengue da Secretaria de Saúde, dos três novos focos verificados em relação ao boletim anterior, divulgado no dia 04, dois são no bairro São Vicente e um na Barra do Rio.
No entanto, ao invés de comemoração, o número serve de alerta para a equipe técnica que atua diariamente no controle do mosquito. “Isto causa uma impressão de o mosquito Aedes aegypti acabou, mas o que acontece em dias frios é um desenvolvimento mais lento do inseto. Os ovos continuam ainda nos depósitos sem água, só esperando as condições climáticas ideiais para se desenvolverem em larvas e posteriormente em mosquitos adultos”, explica o coordenador do Programa de Combate à Dengue, Lúcio Vieira.

Ele ressalta que a comunidade não pode deixar de fazer a sua parte, pois a eliminação dos criadouros é a única forma de combater a proliferação do Aedes.

 

Carro UBV

Nesta terça-feira (10), a partir das 17 horas, o carro de UBV Pesado da Secretaria de Estado da Saúde está fazendo a aplicação de inseticida (pulverização) nas ruas Criciúma e Alberto Werner, no Centro de Itajaí.

A vinda do veículo foi uma solicitação do Programa de Combate à Dengue, devido à concentração de casos positivos em uma área do Centro de Itajaí.

Lúcio Vieira explica que esta atividade é complementar e usada quando fica caracterizado um considerável aglomerado de casos positivos de dengue. “É uma forma que matar o mosquito adulto e bloquear a transmissão da doença, mas a população tem que fazer sua parte eliminando os criadouros”, finaliza o coordenador.

Posts Relacionados

De Vw Voyage a imóveis no litoral: veja os bens dos candidatos à prefeitura de Balneário Camboriú.

Diário da Cidade

Agência Nacional de Águas inclui Santa Catarina no projeto Monitor de Secas

História em quadrinhos valoriza cultura italiana do sul do Brasil

Prazo para inscrições no Programa de Pesquisa Universal termina dia 23 de setembro

Recicla Xanxerê coleta mais de 6 toneladas de produtos

Setembro amarelo e o tabu com o tema

Projeto de Dário torna inafiançável crime relacionado a pedofilia

Novo protocolo sanitário define regras para retorno de esporte recreativo em SC

Alesc aceita segundo pedido de impeachment de governador e vice

Movimento MP Mulheres SC lamenta “prática de fazer graça com a violência doméstica”

Grupo Pereira dobra as doações do tradicional Troco Solidário

CartonDruck doa mais de 1,3 milhão de copos descartáveis de papel para hospitais de Santa Catarina

A EFICÁCIA DA GRATIDÃO pela psicóloga Sandra Morais

Lei institui Delegacia Virtual da Mulher em Santa Catarina

Diário da Cidade

Produtor artesanal catarinense vai expandir o mercado para todo o território nacional

Cuidados simples evitam a entrada de escorpiões em casa

Diário da Cidade

Governo do Estado entrega nova frota de ônibus escolares

Governo realiza chamada de 36 engenheiros para a Secretaria de Estado da Infraestrutura e Mobilidade

Santa Catarina passa a ter ligação aérea com Miami no transporte de cargas

Caixa credita hoje saque emergencial do FGTS para nascidos em junho

Oi, este aviso é só pra te lembrar de CURTIR nossa FanPage no Facebook

Assim, você poderá estar cada vez mais atualizado das novidades de sua região!

CLOSE
%d blogueiros gostam disto: