Diário da Cidade – Notícias Balneário Camboriú Esportes Entretenimento Eventos Política Empregos Camboriú Itajaí Itapema Navegantes Santa Catarina Brasil e Mundo
Balneário Camboriú e Camboriú

Boas práticas mantêm perdas de água tratada em Camboriú menores que média nacional

De acordo com pesquisa da Trata Brasil divulgada recentemente, em 2017 o Brasil perdeu mais de 7 mil piscinas olímpicas de água potável todos os dias por meio de vazamentos nas tubulações, erros de leituras de hidrômetros, roubos, fraudes e “gatos”. A média de perdas nacional é de 38,29% e de 36% na região Sul. Já o índice em Camboriú é bem menor – no primeiro semestre de 2019 foi de 26,7%.

O presidente da Águas de Camboriú, Carlos Roma Jr., aponta que o índice reflete o trabalho que tem sido realizado pela concessionária na cidade, que compreende a verificação de ligações clandestinas e troca de hidrômetros. Porém, o principal foco tem sido a questão dos vazamentos. Além da troca de tubulações, as ações envolvem o controle de pressões por meio do Centro de Controle Operacional (CCO). Em funcionamento 24 horas por dia, o CCO possui indicadores de vazão e pressão em toda a cidade, o que permite verificar com mais rapidez alterações decorrentes de vazamentos.

A tecnologia colabora com a redução de perdas também no trabalho de campo. As equipes da Águas de Camboriú utilizam o geofone, equipamento que permite localizar os chamados vazamentos ocultos (que ficam abaixo do solo). O geofone identifica ruídos através de um sensor que fica apoiado no chão e, com o amplificador em mãos, transforma-se em intensidade.

O presidente da concessionária ressalta que o objetivo é seguir reduzindo as perdas de água tratada – importante para melhorar o abastecimento e também para o meio ambiente, com o uso adequado da água. A população também pode colaborar: “Ao verificar um vazamento na sua rua ou em algum outro local da cidade, o morador nos ajuda muito ao entrar em contato com as centrais de atendimento. Assim, podemos fazer o reparo de forma mais rápida”, explica Roma. O contato pode ser feito pelo telefone 0800 595 4444 (24 horas) ou mensagens para o WhatsApp (47) 99234 1414 (das 7 às 21 horas).

Posts Relacionados

Leões do Parque Beto Carrero são atendidos no ZooCare

IFC altera processos seletivos para 2021 devido à pandemia

Confira o expediente de segunda-feira, 07, feriado da Independência do Brasil

Projeto de lei que institui Programa Abraço Animal em Balneário Camboriú é aprovado

Fisioterapia da UniAvan oferece atendimento para profissionais de saúde que trabalham no enfrentamento ao coronavírus

Bar no Bairro das Nações é interditado por descumprir decreto municipal

Vereadora Jane Stefenn propõe instalação de placas do Ligue 180 em prédios públicos e estabelecimentos de Camboriú

Lar dos Idosos de BC instala cortina de abraços para aproximar residentes e familiares

Pavimentação asfáltica na Estrada Geral do Rio do Meio está em fase de conclusão

Educação de Camboriú inicia mais uma etapa de entrega dos kits emergenciais da merenda escolar

Artistas podem se credenciar até esta quarta-feira

Homem sobrevive a emboscada no interior de Camboriú

Aula da Escola do Legislativo trata da violência contra a mulher

Aprovados projetos sobre animais comunitários e vacinação de idosos e pessoas com deficiência

Gotardo e Patrick pedem reabertura do processo de cassação de Medeiros e responsabilização dos vereadores que o arquivaram

Sala do Empreendedor orienta sobre linhas de crédito para MEI

ABC Empreendimentos lança com exclusividade o Condomínio Rural Gralha Azul

Diário da Cidade

Vereador André Meirinho perseverante por novos leitos de UTI no Santa Inês

Balneário Camboriú está entre os destinos do Sul do Brasil mais desejados pelos turistas do mundo

Instituição do ReciclaBC como política pública municipal estará em votação nesta terça-feira

Oi, este aviso é só pra te lembrar de CURTIR nossa FanPage no Facebook

Assim, você poderá estar cada vez mais atualizado das novidades de sua região!

CLOSE
%d blogueiros gostam disto: