Diário da Cidade – Notícias Balneário Camboriú Esportes Entretenimento Eventos Política Empregos Camboriú Itajaí Itapema Navegantes Santa Catarina Brasil e Mundo
Noticia BR

Janot denunciou Aécio, Lula e Dilma. Por que não Michel Temer?

Um dia depois de denunciar Aécio Neves, líder do maior partido de oposição, Rodrigo Janot mirou o ex-presidente Lula e a presidente Dilma Rousseff, tudo a partir da delação do senador Delcídio Amaral. No entanto, o procurador-geral deixou de fora um personagem central: Michel Temer, que também foi citado nas mesmas delações como responsável pela indicação de corruptos na Petrobras

Nesta semana, o procurador-geral Rodrigo Janot denunciou o senador Aécio Neves (PSDB-MG) por suposto envolvimento num esquema de propinas em Furnas. Um dia depois, ele mirou o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva e outros 30 atores políticos.

Sua lista inclui nomes do PT, como Jaques Wagner e Ricardo Berzoini, e do PMDB, como Henrique Eduardo Alves e Eduardo Cunha. Ele também pediu investigação contra presidente Dilma Rousseff, por suposta obstrução de Justiça, na tentativa de nomear Lula como chefe da Casa Civil.

Janot, no entanto, não se manifestou sobre o vice-presidente Michel Temer, que poderá assumir a presidência no dia 12 de maio, caso o Senado vote pela admissibilidade do processo de impeachment contra a presidente Dilma.

Porém, Temer também foi citado na delação de Delcídio – a mesma que motivou as recentes denúncias contra Aécio, Lula e companhia.

Na delação, Delcídio diz que Temer teria “apadrinhado” dois investigados na Operação Lava Jato à BR Distribuidora, subsidiária da Petrobras, e à própria estatal. Segundo o senador petista, o vice-presidente da República deu aval à indicação do lobista João Augusto Henriques para a BR em 1997 e ao nome de Jorge Zelada para a diretoria Internacional da Petrobras.

Ainda segundo o senador, como o nome de Henriques foi vetado, Zelada acabou ficando com a vaga e Temer acabou sendo seu padrinho: “Que João Augusto Rezende Henriques indicou Jorge Zelada, Que Jorge Zelada foi chancelado por Michel Temer e pela bancada do PMDB”, diz a força-tarefa.

Temer também foi citado num escândalo de manipulação dos preços do etanol, numa época em que João Augusto Henriques, atualmente preso em Curitiba, ocupou uma diretoria da BR Distribuidora.

De acordo com a denúncia, entre os anos de 1997 e 2001, no governo de Fernando Henrique Cardoso, o lobista Henriques teria montado um esquema de corrupção em torno da compra de etanol. Indicado por Michel Temer, seria ele o principal operador do esquema. Teria obtido recursos ilícitos a partir da manipulação do preço do etanol. Henriques foi demitido em 2001.

O vice-presidente foi mencionado ainda, dias atrás, por um outro delator: o empresário José Antunes Sobrinho, um dos donos do grupo Engevix, que mencionou a conquista de um contrato na Eletronuclear pela empresa Argeplan graças à influência do vice-presidente.

Posts Relacionados

Gama Academy realiza semana gratuita de capacitação para Carreiras Digitais

Diário da Cidade

Saneamento: entre a lei e a realidade, por Luiz Pladevall

Lu, do Magalu, se aproxima dos clientes e registra 8,5 milhões de interações ao mês com inteligência artificial de IBM Watson

Chegada da primavera acende alerta para aumento de casos de catapora

Estudo clínico da vacina AZD1222 é reiniciado no Brasil

ESET alerta sobre roubo de dados bancários de jogadores de Fortnite e outros games online

Vencedores do 2º Desafio COLETIVO de inovação no transporte público serão escolhidos nesta sexta-feira

Diário da Cidade

Pesquisa aponta que 85% dos pais brasileiros não acreditam que escolas estão preparadas para ensino remoto

Coca-Cola FEMSA Brasil transforma seu edital ‘Ideais para um mundo melhor’ em instrumento de apoio ao combate da Covid-19

Agosto Branco: a importância da conscientização do câncer de pulmão

Ambev abre inscrições para Programa de Estágio em todo o Brasil

Empresas do segmento de mobilidade discutem impactos da Covid-19

Volta às aulas exigirá cuidado com emocional de alunos e professores

Correios negocia Acordo Coletivo de Trabalho em meio à pandemia

Uber inclui categoria de táxi no aplicativo para ampliar opções da plataforma

Procurações para Prova de Vida ao INSS agora podem ser feitas online nos Cartórios de Notas

Agência A+ realiza campanha de arrecadação em prol da causa do câncer infantojuvenil

Taurus doa 5 mil testes rápidos de COVID-19 para São Leopoldo

Diário da Cidade

Align Technology Doa 32 mil Protetores Faciais para Hospitais do Brasil

Diário da Cidade

Exposição de casos de assédio em escolas não resolve problema

Diário da Cidade

Oi, este aviso é só pra te lembrar de CURTIR nossa FanPage no Facebook

Assim, você poderá estar cada vez mais atualizado das novidades de sua região!

CLOSE
%d blogueiros gostam disto: