Diário da Cidade – Notícias Balneário Camboriú Esportes Entretenimento Eventos Política Empregos Camboriú Itajaí Itapema Navegantes Santa Catarina Brasil e Mundo
ENTRETENIMENTO

Mari Monteiro apresenta show Máquina do Ritmo, no Sesc Itajaí, no dia 29 de março

Mari Monteiro apresenta show Máquina do Ritmo, no Sesc Itajaí, no dia 29 de março

Com entrada gratuita e aberta à comunidade, a apresentação ocorre às 20h30

Tons, sons, dedicação, música, amor e arte. Após ótima receptividade do público e da crítica especializada no primeiro álbum, A Bela é a Fera, a cantora itajaiense Mari Monteiro apresenta ao público o novo show, Máquina do Ritmo. O espetáculo ocorre no dia 29 de março, às 20h30, no Sesc Itajaí, e traz canções inéditas de compositores catarinenses, de artistas regionais, como as bandas Tarrafa Elétrica e Música Orgânica, além de clássicos da Música Popular Brasileira. A entrada é gratuita e aberta ao público, com classificação etária livre. A apresentação faz parte do projeto Mari Monteiro – Máquina do Ritmo e é patrocinado pela Prefeitura, Fundação Cultural de Itajaí e Instituto Grupo Polly, por meio da Lei Municipal de Incentivo à Cultura – LIC Itajaí.

No palco, Mari estará acompanhada dos músicos Luciano Stima, na guitarra; Luciano Candemil, Marcos Renato e Cleyton Medeiros, nas percussões; Luciano Dunga, na bateria; e contará com as participações especiais dos artistas Giana Cervi (voz), BraionSax (sopros) e Rodrigo Paiva (percussão).

“O show Máquina do Ritmo, cujo nome foi inspirado em uma música de Gilberto Gil, tem a intenção de conectar passado e presente em uma performance intensa, onde os músicos são a verdadeira representação desta máquina. De tons, sons, dedicação e amor à arte”, explica o diretor musical do projeto, Luciano Stima.

O repertório do show é constituído pelas canções: Cidade dos Containers (Tarrafa Elétrica), Sem Tempo (Luciano Candemil e Marcelo Quilha), Eu me sinto underground (Luciano Candemil e Marcelo Quilha), Castelo de Areia (Suely Mesquita e Marcela Biasi), Mama África (Chico César), Cérebro Eletrônico (Gilberto Gil), Comida (Titãs), Bailarina Descalça (Luciano Candemil), Todo meu Nascer do Sol (Vitor Soltau e Bruno Kohl), Caminho do Bem (Música Orgânica), Cataventos (Luciano Candemil), Simplificando (Carlos Monteiro) e Coração do Samba (Carlos Monteiro, Luciano Stima e Mari Monteiro).

“Com uma banda formada por uma guitarra e quatro percussionistas, o espetáculo foi concebido em torno das sonoridades vibrantes da percussão, dando vazão à personalidade alegre e extrovertida da cantora. A proposta é unir instrumentos de percussão antigos e atuais, guitarra com recursos digitais (MIDI), combinando ritmos primitivos e populares com os sons modernos e eletrônicos do mundo contemporâneo”, acrescenta Stima.

O show será filmado e o resultado será publicado e divulgado na internet, em redes sociais e plataformas digitais. Acompanhe as novidades pelos www.facebook.com/marimonteirooficial e www.instagram.com/marimonteirooficial

MARI MONTEIRO
Cantora e intérprete de música popular brasileira. Nasceu em Itajaí, Santa Catarina, e a mais de 10 anos participa dos movimentos artísticos de Itajaí e região. Formou-se em canto no Conservatório de Música de Itajaí Carlinhos Niehues, e desde então estuda canto e trabalha em parceria com a professora, cantora e compositora do Rio de Janeiro, Suely Mesquita. Em 2011, realizou o show O Melhor Lugar do Mundo é Aqui e Agora – Gilberto Gil – na voz de Mari Monteiro, por meio da Lei Municipal de Incentivo à Cultura. O projeto incluiu apresentações no Rio de Janeiro, a gravação de um DVD e apresentações em importantes eventos da região, como a Regata Volvo Ocean Race, a Marejada e a Virada Cultural de Itajaí. Mari Monteiro participou de diversos festivais de Santa Catarina, com destaques em músicas de autores catarinenses, iniciando assim a formação do repertório para o primeiro registro como intérprete: A Bela é a Fera. O álbum apresenta temas premiados pela cantora em festivais, além de músicas de compositores renomados, como Paulinho Moska. Ganhando Menção Honrosa no Melhores da Música Brasileira, do site Embrulhador, destacando-se entre mais de 1.200 discos avaliados. Em 2016, lançou videoclipes deste trabalho e foi indicada ao Prêmio da Música Catarinense na categoria Melhor Cantora, vencendo a fase da Votação Popular. Atualmente, a artista está iniciando a divulgação do novo show: Máquina do Ritmo.

SERVIÇO
Show Máquina do Ritmo, com Mari Monteiro
29 de março, sexta-feira, às 20h30
No Sesc Itajaí (R. Alm. Tamandaré, 259, Centro, Itajaí/SC)
Entrada gratuita e aberta à comunidade
Classificação etária: Livre

FICHA TÉCNICA SHOW MÁQUINA DO RITMO
Mari Monteiro – voz
Luciano Stima – guitarra
Luciano Candemil – percussão
Marcos Renato – percussão
Cleyton Medeiros – percussão
Luciano Dunga – bateria
Participações Especiais: Giana Cervi (voz), BraionSax (sopros) e Rodrigo Paiva (percussão)

Direção geral: Suely Mesquita
Direção musical e arranjos: Luciano Stima
Direção de percussão e arranjos: Luciano Candemil
Cenário: Vanderlei Lazzarotti
Arte gráfica: Júlio Castellain
Som e Luz: Silvestre Som
PA e monitor: Adilson Silva e Murilo Martins
Iluminação: Tatá
Make/hair/fotos de divulgação: Gerusa Younes
Stylist: Allê Polli
Gravação de vídeo e áudio: ODZ Music
Fotografia: Lenon César
Assessoria de comunicação: Nane Pereira
Produção: Mirian Arins – Universo Paralelo Produções Artísticas.

Related posts

Praia Brava recebe dia dedicado aos vinhos

Balneário Trends traz grandes nomes para debater comportamento, moda e propósito

Diário da Cidade

Itajaí: Últimos dias para se inscrever em curso gratuito de capacitação inclusiva para o mercado de trabalho

Oi, este aviso é só pra te lembrar de CURTIR nossa FanPage no Facebook

Assim, você poderá estar cada vez mais atualizado das novidades de sua região!

CLOSE
%d blogueiros gostam disto: