Mutirão contra dengue faz alerta para população de Penha

30

Mutirão contra dengue faz alerta para população de Penha

Colaboradores da Águas de Penha participaram no sábado, dia 7, do Mutirão contra a Dengue, realizado no bairro Armação. O mutirão é uma ação da Secretaria Municipal de Saúde para alertar a população sobre os cuidados com possíveis focos do mosquito Aedes aegypt. De acordo com Guilherme Bueno, gestor operacional concessionária, a empresa é parceira da prefeitura no combate a proliferação do mosquito. Além dos colaboradores, a Águas de Penha também colocou um caminhão à disposição da Secretaria de Saúde para ajudar recolher o lixo retirado durante o mutirão.

Segundo Guilherme, a participação no mutirão é importante para lembrar que a população precisa fazer sua parte, verificando quintais, não deixando água parada e evitando jogar entulhos e lixo em terrenos baldios. Essa foi a segunda ação do gênero realizada pela secretaria neste ano. A primeira foi no bairro Nossa Senhora de Fátima.  Além da orientação à população, o mutirão também vistoriou casas, comércios, e terrenos em busca de focos do mosquito.

Durante o mutirão, foram recolhidos centenas de quilos de entulhos jogados pela população em terrenos baldios ou abandonados nos pátios das próprias residências, material considerado ambiente ideal para acumular água e se transformar em criadouro para o mosquito.

Saiba mais

A melhor forma de se evitar a dengue é combater os focos de acúmulo de água, locais propícios para a criação do mosquito transmissor da doença. Para isso, é importante não acumular água em latas, embalagens, copos plásticos, tampinhas de refrigerantes, pneus velhos, vasinhos de plantas, jarros de flores, garrafas, caixas d´água, tambores, latões, cisternas, sacos plásticos e lixeiras, entre outros.

As picadas pelo mosquito da dengue acontecem geralmente nas primeiras horas da manhã ou no final da tarde, especialmente na região das pernas, tornozelos ou pés. Além disso, é mais comum durante o verão, sendo por isso recomendado usar repelentes no corpo e inseticidas na casa para proteção.