Diário da Cidade – Notícias Balneário Camboriú Esportes Entretenimento Eventos Política Empregos Camboriú Itajaí Itapema Navegantes Santa Catarina Brasil e Mundo
Noticia SC

Oftalmologistas de Blumenau e Joinville seguem os mutirões para prevenir e diagnosticar doença que pode levar à cegueira

Em Santa Catarina, Joinville e Blumenau seguem a luta contra doença que pode levar à perda total ou parcial da visão. No próximo dia 27, ações no Setor 2 da Vila Germânica, em Blumenau, e no Hospital de Olhos Sadalla Amin Ghanem, em Joinville, servirão de plataforma para a prevenção, o diagnóstico e o tratamento precoces da retinopatia diabética. Essa doença, considerada uma das principais causas de cegueira evitável, será o mote de mutirões de atendimento, palestras e sensibilizações, num movimento de retomada desta busca ativa de casos nas comunidades em decorrência da queda nos indicadores de covid-19.

Na capital catarinense, Florianópolis, as ações já aconteceram no último dia 06, no SESC da Prainha. A articulação desse esforço está sob a responsabilidade de médicos locais, em parceria com o Conselho Brasileiro de Oftalmologia (CBO) que alerta: apesar dos números da pandemia apresentarem queda, todas as atividades serão conduzidas observando as orientações preconizadas pelas autoridades sanitárias. Isso quer dizer que serão evitadas aglomerações e estimulados os usos de máscaras e de álcool gel, entre outras medidas.

Em Vitória da Conquista, o “Dia D”, previsto para o dia 20 deste mês, atenderá os casos graves triados nos atendimentos realizados ao longo do mês no Centro Especializado Oftalmológico Queiroz (CEOQ). No município de Feira de Santana, as ações já aconteceram no dia 06 deste mês e foram concentradas no Hospital de Olhos da cidade (CLIHON), com oferta de exames gratuitos como o de fundo do olho e laserterapia.

A articulação desses esforços está sob a responsabilidade de médicos, em parceria com o Conselho Brasileiro de Oftalmologia (CBO) que alerta: apesar dos números da pandemia apresentarem queda, todas as atividades serão conduzidas observando as orientações preconizadas pelas autoridades sanitárias. Isso quer dizer que serão evitadas aglomerações e estimulados os usos de máscaras e de álcool gel, entre outras medidas.

ABAIXO FIQUE ATENTO ÀS AÇÕES JÁ CONFIRMADAS NA SUA REGIÃO (LISTADAS EM ORDEM ALFABÉTICA).

Além das ações presenciais, o CBO também organiza para o dia 20 de novembro um grande mutirão on-line com informações sobre a retinopatia diabética. O projeto “24h pelo diabetes” terá este ano sua segunda edição, garantindo aos interessados conteúdos de qualidade sobre a doença. Ao longo de uma maratona transmitida pelo YouTube, será possível acompanhar palestras, debates, entrevistas e reportagens. Também estão previstas sessões de teleorientação com o apoio de médicos oftalmologistas e de outras especialidades.

Para os oftalmologistas, as ações (presenciais e virtuais), que ocorrerão de forma descentralizada, são oportunidade de trazer à tona importantes questões que evidenciam o cuidado da saúde ocular, como etapa essencial no controle e tratamento do diabetes. No encontro com os moradores, será explicado que as altas taxas de glicemia no sangue podem trazer complicações para a visão e também ao coração, artérias, nervos e rins.

Como se trata de uma ação descentralizada, os estados e municípios que aderiram à iniciativa do CBO seguirão fluxos definidos pelos organizadores em nível local. Em alguns deles, as atividades já começaram para garantir que o acolhimento da demanda ocorra sob as regras de distanciamento social.

Na maioria dos serviços que participam deste esforço, os interessados terão acesso a exames para forma precoce a retinopatia diabética, além de outros problemas decorrentes do diabetes. Há iniciativas, que farão avaliações cardiológicas, nutricionais e testes laboratoriais, como glicemia, creatinina, hemoglobina glicada, colesterol, proteinúria e microalbuminúria. Tudo será oferecido de graça.

O diabetes é uma doença grave e silenciosa, o que exige a vigilância contínua por parte dos órgãos de saúde pública. A Federação Internacional de Diabetes (IDF, em inglês) vem ao longo dos anos estimulando debates e incentivando especialistas a se mobilizarem em torno dos cuidados desse problema que, em 2019, atingia 463 milhões de adultos ao redor do mundo, a maioria deles vivem em países de baixa e média renda, como é o caso do Brasil.

CALENDÁRIO DE ATIVIDADES DO NOVEMBRO AZUL POR ORDEM ALFABÉTICA DAS LOCALIDADES

Blumenau – SC

27/11 – Setor 2 da Vila Germânica. Fundoscopia, exame do pé diabético e avaliação renal, das 7h às 12h. Mais informações: mutiraoblumenau@gmail.com ou na página da ação no instagram

Joinville – SC

27/11 – Dia D no Hospital de Olhos Sadalla Amin Ghanem. Serão avaliadas 500 pessoas diabéticas nas Unidades Básicas de Saúde, e os pacientes que apresentarem alguma particularidade na triagem do fundo de olho, serão encaminhados para participar do “DIA D”. Nesse dia, serão realizados exames de fundo de olho gratuito e receberão orientações sobre a sua doença. Os casos que necessitarem de tratamento com laser, terão encaminhamento prioritário para tratamento via SUS.

Posts Relacionados

De 25 para 130 colaboradores: empresa de Blumenau cresce apostando no desenvolvimento de apps

Justiça inocenta empresários catarinenses acusados como devedores contumazes por não recolher ICMS

Balneabilidade: índice de pontos próprios para banho no estado sobe para 65,3%

Diário da Cidade

Fort Atacadista abre operação temporária no Sul da Ilha, em Florianópolis

Sicoob libera transferências via WhatsApp

Sala do Empreendedor de Marema alerta MEIs sobre Declaração Anual

Startup catarinense oferece R$ 20 milhões em crédito para condomínios realizarem melhorias

TRT-SC retoma atividades presenciais a partir de sexta-feira (21)

Aresc intensifica fiscalização de transportes fretados em regiões litorâneas de Santa Catarina

Estudantes do Colégio Bom Jesus de Itajaí (SC) criam detergente de louças biodegradável

Como evitar golpes e fraudes relacionados ao IPVA 2022

Grupo Allog completa 20 anos e anuncia expansão de novas unidades no país e exterior

HDI Seguros abre inscrições para programa de estágio em Itajaí e Blumenau

Ouvidoria do TRT-SC passa a atender também por WhatsApp

Taxa Selic: especialista comenta projeções para 2022 e mostra como planejar as finanças para o futuro

Brusque FC renova contrato com a Fibra Fisio para fisioterapia e reabilitação esportiva de atletas

99 reduz 62% das ocorrências contra motoristas da plataforma em Santa Catarina

Maior prédio de Joinville terá 30 andares e vista para a Baía da Babitonga

Energia solar passa a ter lei própria de geração distribuída

Governador Carlos Moisés testa positivo para Covid-19 e cancela vinda a Camboriú