Diário da Cidade – Notícias Balneário Camboriú Esportes Entretenimento Eventos Política Empregos Camboriú Itajaí Itapema Navegantes Santa Catarina Brasil e Mundo
Noticia SC

ONG Bairro da Juventude forma rede de apoio em Criciúma durante a pandemia

Instituição apoiada pelo projeto VOA viu a necessidade da criação de novas estratégias para atender a comunidade

A pandemia do Covid-19 fez o cenário de desigualdade social no Brasil ficar ainda maior. Em Criciúma, no Sul de Santa Catarina, não foi diferente. Atendendo cerca de 1,5 mil crianças, de 4 meses a 18 anos, o Bairro da Juventude, instituição com foco na educação, inclusão social, promoção e proteção dos direitos das crianças e jovens viu a necessidade de buscar novos caminhos e estratégias de atuação adequadas para o momento atual.

Foi necessária a criação de mecanismos para diagnosticar e atualizar constantemente a situação familiar dos atendidos, que atingiu a marca de 900 famílias entre abril e outubro. “Esse movimento gerou um estreitamento da relação com as famílias e os territórios atendidos. Estivemos muito presentes e acabamos abrindo os olhos para outras problemáticas”, explica Anézio Luiz de Souza, diretor técnico e de projetos da ONG.

Para isso acontecer, um comitê foi criado dentro do Bairro da Juventude para garantir a segurança alimentar, encaminhar adultos para vagas de emprego, instalar computadores nas casas das famílias com crianças em aula online, suporte com medicamentos, gás etc.

Desde o mês de abril, dentre os muitos números que chamam a atenção, estão os mais de 14 mil atendimentos realizados em Criciúma e região pela instituição social, 127 mil kg de alimentos e 16,6 mil litros de produtos de higiene e limpeza doados, além de 50 famílias de imigrantes atendidas.

A ONG catarinense está entre as instituições que fazem parte do programa VOA, da Ambev. Há dois anos integrando o VOA, o diretor técnico do Bairro da Juventude afirma que aprenderam muito sobre comunicação e que isso foi de extrema importância nesse momento de crise. “Assim que começou a pandemia montamos um comitê de movimento e a primeira ação que tomamos foi de intensificar e criar mais canais de comunicação com os diferentes públicos de relacionamento do BJ. Acreditamos que esse movimento foi vital para criarmos ainda mais conexão com as necessidades das famílias e conseguirmos envolver o público estratégico para desenvolver as ações propostas”, coloca ele.

Outro aspecto que o programa colaborou foi o acompanhamento constante aos indicadores, responsável por manter a receita e gerar equilíbrio financeiro. “O apoio do programa VOA nos inspirou a sonhar grande e criar desafios até então distantes de nossa realidade, permitiu ter alguém externo que nos auxiliou, provocou e acompanhou nesse processo, gerando uma energia e cumplicidade nunca experimentada pelo time”, salienta Anézio.  Para a ONG, a maior contribuição foi o crescimento institucional, com acesso a ferramentas e processos de gestão que estão sendo gradativamente incorporados para todas as áreas da organização. “Contribuiu ainda para que pudéssemos inspirar em diferentes públicos o desejo de transformar o mundo”, finalizou o diretor.

Posts Relacionados

Vereador pede que Estado antecipe vacinação dos profissionais da Educação

Círculo S/A comemora 83 anos de fundação

Costa Esmeralda recebeu de forma positiva a campanha “Você está de férias, mas o coronavírus não!”

MPF, Polícia Federal, Receita Federal e MP de Contas/SC deflagram 2ª fase da Operação Alcatraz

MPF pede avaliação laboratorial dos glicosímetros vendidos no Brasil

Perda auditiva prejudica o cérebro e pode causar demência

Aurora desembolsa mais de R$ 100 mi para proteger trabalhadores do coronavírus

Verão gera alerta para combate à dengue e pragas, como ratos, baratas e cupins

Anjo Tintas investe R$ 50 milhões em obras de expansão em Santa Catarina

Ano letivo de 2021 traz desafios para professores e alunos

Projeto social de Santa Catarina recebe apoio da Fundação Cargill

UsuCampeão já ajudou mais de 50 mil famílias brasileiras a regularizarem seus imóveis

Campanha “Você está de férias, mas o Coronavírus não!” busca sensibilizar visitantes da Costa Verde & Mar (SC)

De Vw Voyage a imóveis no litoral: veja os bens dos candidatos à prefeitura de Balneário Camboriú.

Diário da Cidade

Agência Nacional de Águas inclui Santa Catarina no projeto Monitor de Secas

História em quadrinhos valoriza cultura italiana do sul do Brasil

Prazo para inscrições no Programa de Pesquisa Universal termina dia 23 de setembro

Recicla Xanxerê coleta mais de 6 toneladas de produtos

Setembro amarelo e o tabu com o tema

Projeto de Dário torna inafiançável crime relacionado a pedofilia

Oi, este aviso é só pra te lembrar de CURTIR nossa FanPage no Facebook

Assim, você poderá estar cada vez mais atualizado das novidades de sua região!

CLOSE
%d blogueiros gostam disto: