Diário da Cidade – Notícias Balneário Camboriú Esportes Entretenimento Eventos Política Empregos Camboriú Itajaí Itapema Navegantes Santa Catarina Brasil e Mundo
DESTAQUES

PGE/SC reverte liminar e funcionamento do transporte público permanece suspenso em Joinville

Foto: Divulgação / Prefeitura de Joinville

A Procuradoria-Geral do Estado de Santa Catarina (PGE/SC) conseguiu reverter a decisão que permitia o funcionamento do transporte coletivo em Joinville a partir das 5h desta segunda-feira, 13, contrariando o decreto estadual que proíbe a atividade em todo o território catarinense como medida de prevenção à doença Covid-19.

O recurso foi protocolado pela PGE ainda no sábado e a decisão do Tribunal de Justiça de Santa Catarina (TJSC) foi publicada na noite deste domingo, 12. O Ministério Público de Santa Catarina (MPSC), em apoio ao decreto estadual, também havia recorrido da decisão que permitia o retorno dos ônibus.

A PGE/SC argumentou que as limitações estabelecidas pelo Estado de Santa Catarina são realizadas no âmbito da competência constitucional para estabelecer medidas de caráter sanitário e epidemiológico, buscando promover o isolamento social e restringir a circulação de pessoas, a fim de reduzir o avanço do novo coronavírus.

“Tratam-se de medidas que visam proteger a saúde de toda a população catarinense. Aliás, a competência dos Estados para a edição de medidas restritivas de caráter sanitário e epidemiológico, em tempos extraordinários de combate à pandemia de Covid-19, foi confirmada em recente decisão liminar do ministro Alexandre de Moraes do STF”, ressaltou a PGE no recurso.

Na avaliação do Estado, de nada adiantaria impor medidas de restrição ao exercício de determinadas atividades ou serviços, bem como recomendar que a população permaneça em isolamento em residências, se não fossem tomadas também medidas de restrição de circulação do transporte coletivo.

“A recomendação principal das autoridades sanitárias, tanto internacionais quanto nacionais, é no sentido de que sejam restringidas ao máximo possível a circulação e aglomeração das pessoas, pois somente assim se conseguirá minorar a propagação do novo coronavírus, impedindo, por consequência, o colapso do sistema de saúde. Desse modo, a proibição de circulação do transporte coletivo se mostra como medida adequada, necessária e indispensável no momento para garantir a eficácia do isolamento social”, reforçou.

Ao revogar a liminar e, assim, manter a proibição de funcionamento dos ônibus em Joinville, conforme prevê o decreto estadual, o desembargador do TJSC, Luiz Zanelato, observou que “o momento, a bem da verdade, pede prudência, muita cautela, e não o contrário”.

“O contexto exige uma atuação coordenada entre Estado e municípios, mesmo porque não se pode considerar que o deferimento da medida pretendida em primeiro grau restrinja-se a questão de mero interesse local, porquanto, vindo a ocorrer uma superlotação dos leitos hospitalares existentes em Joinville, certamente haverá o remanejamento de pacientes para unidades hospitalares de outros municípios do Estado e, a depender da situação futura, colocando em colapso todo o sistema de saúde estadual, cujas consequências serão gravíssimas e, quiçá, incontornáveis”, reforçou o desembargador.

Atuou na ação o procurador do Estado Thiago Aguiar de Carvalho.

Processo 5008308-96.2020.8.24-0000

Posts Relacionados

É “regular” a nota de Balneário Camboriú para o Portal da Transparência com contratações emergenciais para enfrentamento à Covid-19

diariodacidade

Hospital de Camboriú recebe leitos e equipamentos da Águas de Camboriú

diariodacidade

Equipamentos turísticos de BC terão entradas gratuitas e descontos em comemoração ao aniversário da cidade

diariodacidade

Covid-19: BC registra 134 novos casos e 2 mortes ontem, quarta-feira (08)

diariodacidade

Campanha do Agasalho inicia em Camboriú

diariodacidade

Homem não usa máscara, desacata fiscais e acaba preso em Balneário Camboriú

diariodacidade

Ilustrador lança livro de autoajuda para combater a depressão

diariodacidade

Dezesseis novos leitos são entregues nesta quinta ao Hospital de Camboriú

diariodacidade

Ibama e IMA devem obedecer a Lei da Mata Atlântica

diariodacidade

Prefeitura de Camboriú fechará para sanitização

diariodacidade

Aldeia de Canelinha tem único projeto catarinense contemplado em edital da Fiocruz para combate ao coronavírus

diariodacidade

Balneário Camboriú registra 136 novos casos e uma nova morte por coronavírus

diariodacidade

Polícia Militar fecha festa irregular em bar no Monte Alegre

diariodacidade

Mais de 10 mil pessoas passaram pelas barreiras sanitárias no fim de semana

diariodacidade

BC registra 2 mortes e 137 casos nas últimas 48 horas

diariodacidade

GAECO de SC está cumprindo nove mandados de busca da operação Falso Negativo

diariodacidade

Doses de vacina contra Influenza são liberadas para toda a população

diariodacidade

Ciclone Extratropical causou o maior dano da história na rede elétrica de SC

diariodacidade

Pronto Atendimento da Barra retoma atendimentos

diariodacidade

Balneário Camboriú contabiliza os danos após passagem de ciclone extratropical

diariodacidade

Oi, este aviso é só pra te lembrar de CURTIR nossa FanPage no Facebook

Assim, você poderá estar cada vez mais atualizado das novidades de sua região!

CLOSE
%d blogueiros gostam disto: