PMDB catarinense, completa 50 anos de fundação neste sábado, 23 de abril

260

O maior e mais representativo partido político de Santa Catarina e do Brasil, o PMDB catarinense, completa 50 anos de fundação neste sábado, 23 de abril. Para marcar a data, a direção da sigla prepara uma série de eventos a partir desta segunda-feira 25. Em Sessão Especial, o Diretório Estadual vai homenagear 28 personalidades que contribuíram para a formação do Movimento Democrático Brasileiro, mais tarde PMDB, no Estado. No mesmo ato, que será realizado às 19 horas, de segunda-feira, na ALESC, o Parlamento catarinense vai homenagear o Partido e os segmentos JPMDB e PMDB Mulher.

“O MDB nasceu fruto da coragem de homens e mulheres que enfrentaram o autoritarismo para reconquistar a democracia. Esses companheiros serão justamente homenageados na data em que comemoramos 50 anos de lutas e conquistas em Santa Catarina”, destaca o presidente estadual do PMDB, deputado Mauro Mariani.

Na agenda das comemorações, o PMDB prevê, também no dia 25, um almoço com a imprensa; a inauguração da galeria de ex-presidentes e o lançamento de um selo comemorativo, às 18 horas na sede do partido; e a abertura de uma exposição fotográfica, que ficará disponível para visitação até o dia 6 de maio, no hall de entrada da Assembleia Legislativa. Durante todo o mês de maio, o partido estará promovendo eventos nos 295 municípios, para homenagear as lideranças de cada cidade.

O senador Casildo Maldaner, presidente de honra da sigla, é quem coordena a agenda do cinquentenário ao lado do vice-presidente do PMDB, deputado Valdir Cobalchini. Maldaner conta que a sigla irá homenagear desde a primeira vereadora eleita em 1966, até os ex-governadores. “Será um lindo evento para marcar a força daqueles que ajudaram a construir a nossa história”, ressalta Maldaner.

Durante as festividades, os peemedebistas lançaram também a Revista do Cinquentenário contendo a história de formação do partido, as marcas dos governos do PMDB, depoimentos e fotografias históricas.

O PMDB em Santa Catarina foi fundado em 23 de abril de 1966, numa sessão realizada no plenário da Assembleia Legislativa de Santa Catarina, com a seguinte formação: Presidente Doutel de Andrade; Vice-Presidentes: Laerte Ramos Vieira, Genir Destri e Henrique Arruda Ramos; Secretário Valter Zigelli; Tesoureiro Haroldo Ferreira e vogais: Paulo Macarini, Rodrigo Lobo, Evilásio Caon, Walmor de Oliveira e Germano Amorim.