Diário da Cidade – Notícias Balneário Camboriú Esportes Entretenimento Eventos Política Empregos Camboriú Itajaí Itapema Navegantes Santa Catarina Brasil e Mundo
NOTÍCIAS SANTA CATARINA

Prevenir para salvar: startup usa inteligência de dados para prevenção do câncer

PreviNEO, criada em 2015, foi premiada no Desafio Roche como uma das empresas mais inovadoras do setor em 2019; startup espera ter um banco de dados de 1 milhão de pacientes atendidos até 2020

O mercado de healthtechs no Brasil é milionário, atualmente. Com soluções inovadoras, essas startups ganham reconhecimento por apresentar ao mercado opções que, mais do que tecnologia, representam redução de custos e otimização de processos em um dos principais segmentos da sociedade: a saúde.

É o caso da PreviNEO, um programa focado em prevenir e reduzir os riscos de incidência dos cinco principais tipos de câncer que ocorrem no Brasil: cólon, mama, próstata, pulmão e útero. Com quatro anos de atuação, a empresa já atendeu mais de 80 mil vidas e espera, até o final de 2020 ampliar esse número para 1 milhão de pacientes atendidos. A plataforma utiliza a inteligência de dados para identificar colaboradores com risco de desenvolver algum tipo de câncer e assim atuar preventivamente no combate à doença.

“Nossa missão é simples: promover saúde e reduzir a incidência e mortalidade de câncer no país. Para isso, atuamos com os tipos de câncer mais incidentes no Brasil, a fim de impactar positivamente e profundamente na qualidade de vida nacional”, diz Rodrigo Camargo, médico com larga experiência em medicina corporativa que fundou a PreviNEO conjuntamente com Hélio Rubens de Oliveira Filho, mastologista e Mestre pela USP.

 

MODELO DE ATUAÇÃO

O método de atuação da PreviNEO utiliza algoritmos durante a aplicação da anamnese – nome técnico do questionário aplicado pelos médicos para diagnóstico do quadro clínico do paciente – para mapear o risco de câncer da pessoa avaliada.  O trabalho da startup é desenvolvido em três etapas principais: análise de dados, cálculo de risco e orientações. Com isso, as empresas têm acesso a um relatório que apresenta um diagnóstico completo e personalizado de todo o quadro de funcionários, facilitando assim a ação preventiva em colaboradores com alto risco de apresentar um dos cinco tipos de câncer.

“O primeiro passo é o preenchimento da anamnese presencial ou online; depois, a estratificação de população de risco através dos algoritmos inteligentes; por fim, o contato e orientação personalizada para criação de estratégias de redução de riscos, que levarão ao agendamento das consultas e exames para manejo das situações”, detalha Hélio, que desenvolveu a plataforma utilizando algoritmos e inteligência de dados. “Após isso, a PreviNEO atua, ao lado da empresa, para criação de estratégias de redução de riscos de incidência dos tumores em seus funcionários”.

Criada em 2015, a PreviNEO atendeu cerca de 85 mil vidas em mais de 20 empresas espalhadas pelo Brasil. Destes, pelo menos 11 mil pacientes apresentaram risco médio ou alto de contrair câncer ao longo da vida. O câncer de cólon/intestino foi o que apresentou a maior taxa de risco, com pelo menos 1.500 pessoas com alto risco de desenvolver a doença. A interface comum da PreviNEO dentro das empresa costuma ser o setor de Recursos Humanos, que consegue agir diretamente com os funcionários a partir dos dados coletados e apresentado pela PreviNEO.

Atualmente, a equipe da healthtech é constituída por Hélio Rubens de Oliveira, Médico Mastologista e Mestre pela USP, professor da UFPR e PUCPR, Presidente da Sociedade Brasileira de Mastologia – Regional PR e Active Member of the American Society of Breast Surgeons e Fellow of the American College of Surgeons; Rodrigo Camargo, Médico formado pela UFPR e especialista em medicina corporativa e programas de prevenção; e Sidnei Marcos Pechibilski, administrador de Empresas pela FAE, com pós-graduação na Fundação Getúlio Vargas e Harvard Business School.

“Nossa missão inicial era, em curto prazo, calcular e informar sobre câncer nas empresas”, detalha Camargo. “A partir de 2017 crescemos exponencialmente: nosso faturamento chegou a cerca de R$ 300 mil por ano. Agora, queremos ampliar para outras especialidades, como outras doenças que afetam o cotidiano das empresas, mas permaneceremos com o câncer como nossa especialidade”.

Entre os clientes já atendidos pela PreviNEO, estão AON, a Technip, Ford, Ceva Logistics, HDI, Solar e Águas do Brasil. “Nossas principais missões são reduzir a mortalidade por câncer no Brasil e, também, reduzir os custos por meio da conscientização, rastreamento e medicina de precisão.

Related posts

Florianópolis sedia eventos de educação empreendedora e de inovação na educação

Senar/SC realiza formatura do Jovem Aprendiz Cotista em Xanxerê

6º Fórum Espírita de Blumenau é neste fim de semana (14 a 16/9)

Oi, este aviso é só pra te lembrar de CURTIR nossa FanPage no Facebook

Assim, você poderá estar cada vez mais atualizado das novidades de sua região!

CLOSE
%d blogueiros gostam disto: