Diário da Cidade – Notícias Balneário Camboriú Esportes Entretenimento Eventos Política Empregos Camboriú Itajaí Itapema Navegantes Santa Catarina Brasil e Mundo
DESTAQUES

Prolongamento da Beira-Mar de Balneário Piçarras obtém licença ambiental prévia

Estudo demonstra que obra auxiliará evolução do ambiente de restinga

O projeto de ampliação da Beira-Mar de Balneário Piçarras – Avenida José Temístocles de Macedo – teve mais uma etapa concluída. A Fundação do Meio Ambiente (Fundema) concedeu nesta quarta-feira (06), a licença ambiental prévia para a abertura da via. A autorização foi cedida após a análise de riscos e impactos ambientais.

“A licença prévia é a mais importante por que aprova a concepção e localização da obra, atestando sua viabilidade ambiental”, explicou o presidente da Fundema, Marcos Zaleski. A partir de agora, o órgão trabalha nos estudos para emissão da licença de instalação, conforme resolução 237, do Conselho Nacional do Meio Ambiente (Conama).

O relatório ambiental protocolado na Fundema foi realizado pela Acquaplan Tecnologia e Consultoria Ambiental LTDA, empresa contratada pela prefeitura – via processo licitatório – para levantar dados referentes a possíveis impactos e riscos ambientais. A análise para a concessão da licença ambiental foi feita por profissionais efetivos e técnicos multidisciplinar.

O estudo apontou que obra auxiliará o processo de proteção da restinga, estimulando sua função protetora da costa. “O modelo proposto garantirá a proteção e recuperação da restinga, prevendo uma delimitação física de vegetação com passarelas elevadas projetadas conforme as especificações técnicas, além da remoção de espécies invasoras e reposição de mudas de restinga nativa nos trechos”, pontuou o presidente do órgão ambiental.

De toda a área compreendida pelo projeto, 58,48% possui área livre de vegetação nativa, ou seja, já são estradas, trilhas ou calçadas. O restante é dividido em espécies nativa (5,38%), vegetação herbácea (35,68%) e vegetação exótica (0,46%). Como medida compensatória, para atendimento a legislação ambiental, em especial a Lei Mata Atlântica, será feita a Reposição Florestal e Projeto de Recuperação de Áreas Degradadas (PRAD).

O trecho de supressão de vegetação é de 18.612 m² e a área de recuperação de restinga chega a 89.910 m². “O trecho de recuperação de restinga previsto na licença ambiental é muito superior a degradação. Este será o maior projeto de recuperação de restinga da nossa cidade, sendo incorporado as ações já desenvolvidas pela Fundema no Programa Restinga Preservada, Nossa Praia Protegida.”, complementou Marcos. A Fundação prevê ainda programas e ações de educação ambiental.

A infraestrutura pública a ser construída no local demarcará uma considerável faixa de restinga – de 30 a 40 metros de extensão – em direção à praia. “A vegetação de Restinga desempenha uma função imprescindível para as nossas praias, pois realiza importante papel no equilíbrio da região costeira, servindo como um controlador da linha da praia, retendo a areia que é levada pelo vento e ondas”, frisou.

Outro dado obtido na análise, foi da evolução da posição da linha da costa, mediante estudo do processo de progradacão e retração da praia de Balneário Piçarras de 1957 até hoje. “O resultado mostra que, nos últimos períodos analisados, a faixa de restinga e praia tem aumentado no trecho, o que em termos práticos significa uma maior segurança, contra riscos eventuais, principalmente de eventos de alto energia [ressaca]”, afirmou Marcos Zaleski.

Licença ambiental até a divisa

O estudo foi elaborado já pensando na abertura da via até a divisa com Barra Velha, num total de 2.770,45 metros. O investimento da obra é de R$ 6.356.019,08 e será executado em duas etapas: a primeira compreendida desde o fim do calçamento hoje existente – proximidades da Rua 2660 – até a descida da Rua 3750, e a segunda etapa com prosseguimento até o limite geográfico com o município de Barra Velha – proximidades da Rua 4950.

Para a primeira etapa, os recursos serão provenientes de financiamento já aprovado junto ao Banco Regional de Desenvolvimento do Extremo Sul (BRDE), com contrapartida do município. “O BRDE está atualmente analisando minuciosamente o projeto e aguardamos a liberação para iniciarmos a licitação”, afirmou a Secretária de Planejamento e Desenvolvimento Econômico Sustentável, Deisy Cristine da Silva Martins.

A obra prevê a pavimentação e urbanização do sistema viário em paver, vias de uso específicas para pedestres e ciclistas com ciclofaixa, passeios com acessibilidade em ambos os lados, sendo do lado oeste com paver e do lado leste em deck de madeira com mobiliário urbano, passarelas, nova iluminação com fiação subterrânea, drenagem pluvial com sistema de canaletas com grelhas de concreto e bolsões de estacionamento.

Ampliação do Trecho Bandeira Azul

O projeto da obra já prevê as diretrizes ambientais necessárias para a candidatura do trecho na certificação internacional Bandeira Azul, podendo ampliar a faixa de praia do município certificada pelo programa. “Todo o processo de cuidado ambiental já proposto no trecho atual Bandeira Azul será melhorado e aplicado na área. Vamos preparar a candidatura do local para o próximo ano”, evidenciou o presidente da Fundema.

Posts Relacionados

COVID-19 NÃO GEROU DEMISSÕES NA CONSTRUÇÃO CIVIL DE ITAJAÍ E REGIÃO

Prefeitura de Camboriú inicia nova etapa do Horto Municipal

Combatendo a violência contra a mulher

Adequações e atrações da Costa Verde & Mar serão apresentadas para 12 países da América Latina

Nota de falecimento: Marlene Werner esposa do sócio-fundador do Centro Universitário Avantis – UniAvan

Live Solidária arrecada 68 cestas básicas

FFM e Rotary Club de Blumenau – Garcia lançam Campanha Lacre Solidário 2020-2021

Distribuição de donativos da Campanha do Agasalho é prorrogada

Clínica de Fisioterapia da UniAvan oferece atendimento gratuito para quem já teve Covid-19

Correios divulga resultado do Programa Jovem Aprendiz

Novo posto da Polícia Federal do Itajaí Shopping irá ampliar e agilizar emissão de passaportes

Diário da Cidade

Hospital Santa Inês será reaberto para enfrentamento da pandemia em Balneário Camboriú

Lei possibilita suspensão de até quatro parcelas do Fundo de Financiamento Estudantil (FIES)

Impactos da COVID-19 na educação exigem maior interação entre família e escola

Empresa que concedeu alimentação e moradia apenas a imigrantes haitianos agiu legalmente, julga 5ª Câmara

Governo de SC entrega 20 respiradores ao Hospital Marieta Konder em Itajaí

MPB Classic é a atração desta sexta-feira no Magic Drive-In, em Balneário Camboriú

Confira o Boletim epidemiológico Covid-19 em Camboriú

diariodacidade

Alesc dará prosseguimento a pedido de impeachment de Carlos Moisés e vice

diariodacidade

2 mortes e 151 novos casos de coronavírus nesta quarta-feira (22) em Balneário Camboriú

diariodacidade

Oi, este aviso é só pra te lembrar de CURTIR nossa FanPage no Facebook

Assim, você poderá estar cada vez mais atualizado das novidades de sua região!

CLOSE
%d blogueiros gostam disto: