Diário da Cidade – Notícias Balneário Camboriú Esportes Entretenimento Eventos Política Empregos Camboriú Itajaí Itapema Navegantes Santa Catarina Brasil e Mundo
ENTRETENIMENTO

Cinemas do Neumarkt e Norte Shopping ampliam acessibilidade para deficientes auditivos e visuais

Cinemas do Neumarkt e Norte Shopping ampliam acessibilidade para deficientes auditivos e visuais

A Cinépolis do Norte Shopping e o GNC Cinemas do Neumarkt Shopping passam agora a oferecer maior acessibilidade aos deficientes visuais e auditivos. Em todos os filmes e sessões, os cinemas disponibilizam um novo equipamento similar a um celular que traz tradução em LIBRAS (língua de sinais brasileira) e fones de ouvido para áudio-descrição. O novo aparelho é de uso individual, fica fixado à cadeira e pode ser solicitado gratuitamente na bilheteria. Vale lembrar que nos dois cinemas, as pessoas com deficiência auditiva e visual pagam meia-entrada.

Na Cinépolis, a tecnologia usada é o CineAssista, desenvolvida pela americana Dolby, e que abriga em único dispositivo recursos para atender a deficientes auditivos e visuais. Segundo o gerente da Cinépolis em Blumenau, Márcio Assunção, com o equipamento o cinema amplia a acessibilidade, já que antes a única opção eram as sessões Closed Caption, que atendiam somente às pessoas com deficiência auditiva. “Agora, instalamos o aparelho no momento em que o cliente chega para assistir ao filme. Para o deficiente visual são disponibilizados fones com áudio-descrição. E o deficiente auditivo tem as opções de LIBRAS com intérprete humano ou virtual e legenda descritiva”, explica.

Assim como na Cinépolis, no GNC Cinemas os equipamentos são individualizados e deverão ser solicitados na bilheteria do cinema, no momento da compra do ingresso. Os clientes com deficiência auditiva receberão receptores de vídeo, com legenda descritiva ou LIBRAS, e os clientes com deficiência visual receberão receptores de áudio descrição, com fones de ouvido. A transmissão ocorrerá através de sinal infravermelho e não wifi, evitando problemas na propagação do sinal. Os equipamentos Cine ProAccess utilizados no GNC foram desenvolvidos pela empresa Riole, do Paraná.

Nova legislação

A aquisição dos novos equipamentos cumpre as exigências da Lei de Inclusão da Pessoa com Deficiência (Lei nº 13.146, de 2015) e das Instruções Normativas 128 e 145, que preveem que todos os cinemas precisam ter aparelhos de uso individual para 15% de suas salas. A nova legislação entrou em vigor em 16 de junho deste ano.

Related posts

Agência de turismo com experiências exclusivas em Orlando e Miami chega a região Sul

SEXTA JAZZ AF contempla repertório de Oscar Peterson

CORNER BUBBLES® by Silvia Döring vai inaugurar no Balneário Shopping

Oi, este aviso é só pra te lembrar de CURTIR nossa FanPage no Facebook

Assim, você poderá estar cada vez mais atualizado das novidades de sua região!

CLOSE
%d blogueiros gostam disto: