Notícias Balneário Camboriú Esportes Entretenimento Eventos Política Empregos Camboriú Itajaí Itapema Navegantes Santa Catarina Brasil e Mundo
Noticia SC

“A casa vai cair”, promete Rafael Sapo para duelo contra favorito Whittaker

Peso-médio mineiro defende que sua sequência de vitórias é mais impressionante que a do adversário e pretende subir ao top 10 com novo triunfo no UFC 197

“Pelas beiradas” como um bom mineiro, como gosta de dizer, Rafael “Sapo” Natal vem subindo no ranking dos pesos-médios do Ultimate. Atualmente em 13º lugar, o lutador de Belo Horizonte tem pela frente no próximo sábado, no card principal do UFC 197, o sétimo colocado na divisão,Robert Whittaker. Os dois defendem sequências de quatro vitórias, mas o neozelandês de 25 anos, vencedor de uma edição internacional do reality show The Ultimate Fighter, é apontado como favorito. Isso não é novidade para Sapo, que, apesar de entender por que o adversário está melhor ranqueado, garante que sua série de vitórias é mais impressionante

– Meu problema é que eu fiquei parado um tempo. Quando ganhei do Uriah Hall e ia embalar, me lesionei, fiquei parado, e quando voltei, lutei com o Kevin Casey, que não é ranqueado. Ele ganhou do Uriah Hall, e eu ganhei também, e ele ganhou do Brad Tavares, que estava ranqueado, acertou um bom cruzado que derrubava qualquer um. Mas eu estou há mais tempo na categoria, uma das vitórias da sequência dele foi na categoria de baixo. Ele venceu o Uriah Hall melhor do que eu, mas o Uriah só teve 10 dias para se preparar pra luta deles. As casas de apostas estão botando ele de favorito, mas mais uma vez vou provar que estão errados. A casa vai cair. É bom, que eu ganho dele, que está em sétimo, e subo ainda mais – prometeu Sapo, em entrevista por telefone ao Combate.com.

Para cumprir sua palavra, Rafael Natal vai ter que “achar” Whittaker no cage. O brasileiro citou a movimentação do neozelandês, faixa preta no caratê e no hapkidô, como seu principal desafio.

– É um cara que se movimenta muito, o diferencial dele acho que é esse. A mão dele é pesada, ele se movimenta muito e é difícil de achá-lo no cage. O camp foi muito em cima disso. O número 7 representa isso, ele é um cara perigoso, o Dana White já encheu o cara de elogios, esperam que ele seja campeão, então vou me preparar para uma pedreira, que a gente vai pará-lo no sábado – analisou.

Não é a primeira vez que Natal bate na porta do top 10 dos médios: em 2013, o lutador mineiro venceu três lutas seguidas e parecia bem encaminhado para entrar na fila para disputar o cinturão. No entanto, acabou derrotado por Tim Kennedy em novembro daquele ano, na primeira de duas derrotas que o deixaram em posição incômoda no UFC. Desta vez, Sapo garante que a situação é completamente diferente.

– O pessoal não deve lembrar muito, mas, na luta com o Tim Kennedy eu estava até bem na luta, e ele lutou bem, me pegou no meu erro, com a guarda baixa. Mas eu estava de férias e me chamaram com cinco dias de antecedência para lutar. Difícil se arrumar, estando despreparado, fora do peso, sem treinar. Desta vez, é diferente, estou com um camp completo, mais bem preparado, melhorei minha parte em pé, meu wrestling, meu jiu-jítsu, e estou no melhor momento da minha carreira, pronto para alçar voos maiores.

O Combate transmite o UFC 197 ao vivo a partir de 19h15 (horário de Brasília) neste sábado, e oCombate.com acompanha em Tempo Real e exibe em vídeo ao vivo as duas primeiras lutas do card preliminar. Na sexta-feira, canal e site transmitem a pesagem oficial ao vivo a partir de 19h45. Confira o card completo do evento:

UFC 197
23 de abril de 2016, em Las Vegas (EUA)
CARD PRINCIPAL (a partir de 23h de Brasília):
Peso-meio-pesado: Jon Jones x Ovince St. Preux
Peso-mosca: Demetrious Johnson x Henry Cejudo
Peso-leve: Anthony Pettis x Edson Barboza
Peso-médio: Robert Whittaker x Rafael Natal
Peso-pena: Yair Rodriguez x André Fili
CARD PRELIMINAR (a partir de 19h30 de Brasília):
Peso-mosca: Sergio Pettis x Chris Kelades
Peso-meio-médio: Danny Roberts x Dominique Steele
Peso-palha: Carla Esparza x Juliana Lima
Peso-leve: Glaico França x James Vick
Peso-pesado: Walt Harris x Cody East
Peso-meio-pesado: Marcos Pezão x Clint Hester
Peso-leve: Efrain Escudero x Kevin Lee

Posts Relacionados

Em Joinville, governador anuncia abertura de novos leitos de UTI e meta para dobrar cirurgias eletivas

Felipe Hansen recebe a Ordem do Mérito Industrial de Santa Catarina

Guaramirim comemora inauguração do trecho estadualizado da BR-280 e confirmação de novos investimentos

Formado em Medicina no exterior garante na justiça o direito de exercer a profissão no Brasil

IOS abre 50 vagas para curso gratuito de Programação para jovens em Joinville

Expedição Ondas Limpas na Estrada, chega a Florianópolis neste final de semana

No Sul do estado, revitalização da Rodovia Jorge Lacerda traz mais segurança a moradores e motoristas

Estado repassa R$ 40 milhões ao Hospital São Donato de Içara e autoriza obras do Plano 1000 no município

Contador Juarez Domingues Carneiro é o novo presidente da Jucesc

Programa gratuito de aceleração do crescimento de pequenos negócios segue até novembro