Diário da Cidade – Notícias Balneário Camboriú Esportes Entretenimento Eventos Política Empregos Camboriú Itajaí Itapema Navegantes Santa Catarina Brasil e Mundo
Noticia SC

Orientação é de que mulheres não adiem o exame de rotina

Unimed Chapecó esclarece dúvidas sobre a combinação de exames de imagem e da imunização

Qual a relação dos exames de imagem mamária (mamografia e ressonância) e a vacina da covid-19? A imunização pode causar câncer ou pode induzir a um falso diagnóstico? Em que situações o exame deve ser reagendado? Esses são alguns questionamentos que muitas mulheres brasileiras estão fazendo e levando-as a desmarcarem esse exame de rotina. A mastologista, especialista em radiologia de mama e médica cooperada da Unimed Chapecó, Dra. Estela Regina Eidt, e o radiologista e responsável técnico do Centro de Diagnóstico por Imagem da Unimed Chapecó, Rafael Agnolin, esclarecem que a recomendação é de não adiar o exame e de informar se recebeu a vacina.

As dúvidas surgiram após o comunicado das Sociedades de Radiologia e Mastologia que recomenda aos vacinados a postergação de quatro semanas para depois realizar o exame de imagem. A indicação ocorreu porque toda vacina provoca uma reação imunológica e pode refletir no aumento do tamanho dos gânglios linfáticos nas axilas – que podem ser indicativos de câncer de mama ou características suspeitas – e confundir a análise dos resultados.

“Importante deixar claro que nenhuma vacina da covid-19 aumenta o risco de câncer. A recomendação tem por objetivo reduzir falsos diagnósticos. Para evitar isso, o Centro de Diagnóstico por Imagem da Unimed Chapecó incluiu, há alguns meses, em seu questionário realizado antes do exame pergunta referente à vacina. A medida ajuda o radiologista a valorizar ou não a alteração nos linfonodos”, explica a médica.

A preocupação dos profissionais da saúde vai além dessa interpretação equivocada e da dificuldade técnica. O principal receio é com o atraso no diagnóstico do câncer de mama, que é observado desde o início da pandemia. Levantamentos relevam que 60% da população brasileira não está rastreada para câncer de mama. Isso ocorre porque muitas pacientes deixaram de fazer o exame pelos receios da crise sanitária. Conforme dados do Ministério da Saúde, as mamografias realizadas em mulheres de 40 a 69 anos em Santa Catarina pelo Sistema Único de Saúde (SUS) reduziu em -53,57% no comparativo de 2019 (89.136) para 2020 (41.385).

“Isso gera uma inquietação, porque o câncer de mama é o mais incidente em mulheres no mundo e também a causa mais frequente de morte por câncer no gênero. No Brasil, para 2021 foram estimados mais de 66 mil novos casos, o que representa uma taxa de incidência de 43,74 casos por 100 mil mulheres”, alerta Dra. Estela.

RECOMENDAÇÃO

– O exame deve ser realizado, independente da vacina, em caso de alguma queixa na mama. A paciente deve informar aos profissionais da saúde que foi imunizada.

– O exame deve ser realizado para quem está com o rastreamento anual do câncer (indicado para maiores de 40 anos de idade) atrasado. A paciente deve informar o dia em que a vacina foi aplicada.

– O exame pode ser programado para depois de quatro semanas da vacina se for de rotina para rastreamento do câncer e se a paciente tiver realizado o procedimento há um ano.

Posts Relacionados

Santander amplia sua presença em Santa Catarina e inaugura novas agências

Diário da Cidade

MPF realiza ação inédita voltada à população em situação de rua em Florianópolis

Sebrae/SC se reúne com produtores de cachaça e banana de Luiz Alves para debater Indicação Geográfica

Vereadores garantem recurso para aplicação em escolinhas esportivas

Em oito meses, IMA realiza 30 operações de fiscalização de produtos perigosos

Vokkan lança manifesto para apresentar o posicionamento do VivaPark Porto Belo, primeiro bairro parque do Brasil

Programa do SENAR/SC transforma a vida de mulheres do campo em São Domingos

Deputado Kennedy Nunes apresenta ao Ministério da Saúde proposta de incluir a cirurgia de correção intrauterina na tabela do SUS

STARK realiza curso sobre M&A e Operações de Crédito no Centro de Inovação Blumenau em 6 de outubro

Feira do Empreendedor Digital 2021 do Sebrae está com as inscrições abertas

II Conecta Saúde promove debate sobre segurança do paciente

Diário da Cidade

FFM tem inscrições abertas em cursos voltados a capacitação de executivos e empreendedores

Cooperativas Ailos se unem para preservar o bem-estar e a saúde mental de colaboradores

Santa Catarina zera imposto de medicamentos do kit intubação

Ferramenta gratuita do SENAR ajuda a garantir qualidade na produção de leite

Warren Investimentos anuncia aquisição da corretora Renascença DTVM

Governo do Estado trabalha para desbloquear rodovias catarinenses

Mercado imobiliário altamente aquecido atrai novas empresas para a região da Costa Esmeralda

Banco para condomínios fundado em SC recebe novo investimento de 6 milhões de reais

Mapeamento do ecossistema de CTI de SC ainda tem temas disponíveis para projetos